Nova música de Madonna é indicada ao Globo de Ouro

Será que a Madonna esperava por essa?

Acaba de se ser divulgado no twitter oficial do Globo de Ouro que a canção inédita MASTERPIECE, feita para o filme W.E. e que estará no próximo álbum da Madonna, foi indicado à categoria de Melhor Canção Original!

Parabéns, Madonna!

A premiação será no dia 15 de janeiro. Será que a rainha do Pop se apresentará na premiação?

Caso não tenha ouvido a música ainda, você pode ouvi-la no nosso Tumblr!

LUXO LANA assistiu “MELANCOLIA”

Sempre que vou ao cinema, gosto de ter previamente uma idéia mínima do filme, e ir me surpreendendo assim que for assistindo. Com Melancolia não foi diferente. Ainda bem.

Sabendo apenas que a história se passava durante o casamento de Claire (interpretada com maestria por Kirsten Dunst), ao mesmo tempo em que um planeta estaria prestes a colidir com a Terra, lá fui eu ao cinema entender como tudo isso seria contado. Posso dizer que, além da belísssima fotografia, enredo, e da atuação de Dunst (que venceu em Cannes como melhor atriz), o filme faz jus ao seu título, fazendo com que o espectador se sinta fascinado e (porque não?) melancólico com o decorrer da história.

Ao contrário dos filmes anteriores do diretor Lars Von Trier, em Melancolia tudo é claro e compreensível. Desde o início o espectador já se sabe o que vai acontecer (belamente “explicado”, aliás). Talvez, arrisco a palpitar que este filme é mais compreensível por se tratar de um reflexo sincero das crises profundas de depressão do diretor, que deixa claro no filme suas percepções sobre (a falta de) religião, e o fato de não acreditar em vida fora da terra. Desta vez, Lars convoca o espectador, e não o confronta. Porém, mesmo assim acompanhamos o filme incomodados e pertubados, onde apenas o final é certo.

Melancolia (Melancholia)
Dinamarca/11. Direção e roteiro de Lars Von Trier. 136 min. Com Kirsten Dunst, Charlotte Gainsbourgh, Charlotte Rampling, John Hurt, Kiefer Sutherland, Stelan Skasgaard, Alexander Skasgaard, Udo Kier e Brady Corbett. Califórnia Filmes.

Kirsten Dunst é capa dupla da ELLE UK de setembro

Cercada por flores, Kirsten Dunst posa para a capa da ELLE inglesa de setembro. Na entrevista, a atriz fala sobre sua carreira, desilusões amorosas e a depressão que sofreu nos últimos anos.

“Eu sei como é se perder, não saber mais a diferença entre o certo e o errado”, diz Kirsten, que precisou procurar um médico após o término de seu namoro com Johnny Borrell, músico da banda Razorlight. Hoje, no entanto, o coração vai bem. A loira namora Jason Boesel, baterista da Rilo Kiley.

O que está acontecendo com a Maggie Gyllenhaal?

Olha, EU SEI que a idade uma hora vai chegar pra todo mundo… mas parece que pra Maggie Gyllenhaal ela resolveu aparecer bem cedo… olha a cara da atriz num evento que rolou ontem…

Kiki é isso, Maggie? É depressão? Não tá dormindo bem? Tava num dia ruim?

Porque Ó, se liga… enquanto você fica saindo assim por ae, o seu irmão Jake tá correndo contra o prejuízo…

Correndo mesmo!

Cine Odeon no Rio exibe curtas com temática LGBT

Tem gente que diz que família é bom no porta-retrato. Verdade ou não, essa instituição tão revisitada pelo cinema e em constante transformação é o tema da próxima sessão do Cineclube LGBT.

Cena do curta “Em nome do pai”

A edição Programa Família, que acontece no dia 27 deste mês, traz o “lar doce lar” em diversos formatos e mostrando seus muitos lados possíveis. O lado obscuro está no revelador Em nome do pai, que retrata como os segredos podem afetar a relação cotidiana de uma aparente família paulistana comum.Também intitulado com referências bíblicas o polêmico Seja feito a vossa vontade mostra uma não tão convencional relação familiar.

Nada consagrado, mas não por isso menos autêntica é a família do documentário Lady Christiny, sobre travesti que é pai de dois filhos. Já o documentário Rua Paim relata os desafios de um casal de lésbicas na criação dos filhos.

Por fim uma divertida versão da boneca Barbie aparece em Tudo o que você quer ser, no qual a loira revela sua subversão do mundo cor-de-rosa em que vive.

 

Após a sessão, o VJ Great Guy comanda a badalada e “super-família” pista de dança com muita paquera e azaração e o melhor da música pop.

Onde: Cinema Odeon Petrobras

Cinelândia – Rio de Janeiro Tel: 21.2240.1093

Quanto: R$ 14,00 (inteira) e R$ 7,00 (meia)

Ingressos Antecipados: a partir de quarta-feira, 25.05, às 15h

Dia: 27.05     Horário: 21h

Outras informações: www.cineclubelgbt.com.br

Na Rehab, Lindsay Lohan pode perder papel de atriz pornô em ‘Inferno’

Lindsay Lohan está demonstrando progressiva evolução no tratamento contra a dependência química, mas corre o risco de perder um de seus próximos papéis. Escalada para interpretar a atriz pornô Linda Lovelace em ‘Inferno’, a atriz sairá da casa de repouso apenas em 3 de janeiro de 2011, por determinação de um juiz. E o diretor do filme, Matthew Wilder, preocupado com o começo das filmagens, já cogita substituir a estrela: “Lindsay é a nossa primeira escolha, só que temos um ‘plano B’ para o caso dela não poder participar de ‘Inferno'”, revelou. O cineasta afirmou ainda que existem outras artistas interessadas no papel, e que segurá-lo para Lindsay é uma enorme responsabilidade. No entanto, garantiu que esperará a atriz voltar da reabilitação: “veremos, quando acabar o tratamento, se ela estará apta a fazer o filme”, disse. Previsto para 2011, “Inferno” recontará a história de Lovelace, estrela da indústria pornográfica nos anos 70. O ator Bill Pullman, que atuou em “Independence day” (1996), está cotado para o longa.

Pânico 4 terá Hayden Panettiere e sobrinha de Julia Roberts

A série de filmes de terror “Pânico” revelou neste final de semana alguns dos nomes que estarão presentes em sua quarta sequência, cuja terceira parte foi lançada em 2000.

Hayden Panettiere, da série “Heroes”, e Rory Culkin (irmão de Macaulay Culkin), confirmaram as especulações e estarão no longa. Outra novidade é Emma Roberts, sobrinha de Julia Roberts.

A atriz Ashley Green, da saga “Crepúsculo”, chegou a ser convidada para participar do filme, mas não aceitou. E CLARO, quem também estará em “Pânico 4” são os atores que ficaram famosos nos três primeiros filmes da série: Neve Campbell, Courteney Cox Arquette e David Arquette.

Wes Craven e Kevin Williamson, diretor e roteirista de “Pânico”, querem que o filme tenha uma nova trilogia. A ideia é revelar o passado dos personagens que estiveram presentes nos três primeiros longas, por isso a opção por jovens atores de Hollywood.